A Tecnologia Assistiva estreitando relações entre Brasil e Canadá

Tecnologia Assistiva é um termo ainda novo, utilizado para identificar todo o arsenal de serviços e recurso s que contribuem para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e promover vida independente e inclusão.

Neste sentido a Humanware, empresa canadense especializada no desenvolvimento e produção desta tecnologia para pessoas com baixa visão ou cegueira, tem buscado parcerias a fim de entender melhor o espaço de inserção de seus produtos no mercado brasileiro. Nos últimos meses contratou um estudo realizado pela Consultoria Paseli, especialista em pesquisa e venda ao governo brasileiro, que teve como objetivo entender como os recursos destinados à compra de tecnologias assistivas são geridos no Governo Federal brasileiro, através do Fundo Nacional de Desenvolvimento de Educação (FNDE). Neste estudo, a empresa canadense teve acesso a informações detalhadas sobre as diversas formas de participar dos processos de venda ao governo e entender, minuciosamente, quais são os caminhos a serem trilhados para que sua tecnologia chegue até as escolas brasileiras. Dentre os atores que se destaca neste estudo, o Centro de Apoio Especializado (CAPE) tem especial papel na identificação e definição de tecnologias a serem adquiridas pelas diferentes instâncias públicas a fim de proporcionar uma educação inclusiva e mais efetiva para pessoas deficientes.

A Humanware assim como outras empresas desenvolvedoras deste tipo de tecnologia encontram, hoje, no Brasil um contexto comercial muito favorável, em termos de recursos públicos disponíveis, abertura de mercado e alta demanda, para expandirem seus negócios.

Escrito por: Ludmila Oliveira de carvalho – Relações Institucionais –

Data: 17/09/2013